Sabia que ...

Sabia que ...

3 Horas de espectáculo


Uma das grandes exibições que já nos foram dadas a ver nas 24 Horas de Le Mans aconteceu em 1980. Nesse ano, Hans-Joachim Stuck participou no BMW M1 IMSA GTX (ex-Procar) de Dominique Lacaud e Hans-Georg Burger. A opção pelo IMSA GTX devia-se ao facto do M1 ainda não estar homologado em Grupo 4, mas era um carro equivalente a esta popular categoria de GT.
Nos treinos a equipa realizou o 23º tempo.
Só que, no momento da corrida, estava a chover, com alguma intensidade e Stuck estava ao volante. Pelo meio de nuvens de água, piões e saidas de estrada, o M1 branco e laranja flourescente foi ultrapassando metodicamente os seus adversários. Ao fim de 7 voltas o M1 seguia em 6º da geral.
Pouco depois subia até ao 3º posto!
Quase um escândalo, com tantos sport-protótipos e Grupos 5 em prova. Neste jogo, Stuck só não foi mais longe porque os carros da frente tinham também pilotos excepcionais ao volante, principalmente Bob Wolleck que voava com o 935 da Loos.
Ao fim de 90 minutos parou a chuva e, com a pista a secar, o anónimo M1 foi caindo para a sua natural posição, embora se mantivesse na volta do comandante. No entanto, um incidente de pista com o 935 de Dieter Schornestein levou os dois carros para as boxes, terminando assim o espectáculo de Stuck.
Estava descoberto o novo "regenmeister" de Le Mans.


Ricardo Grilo

Sportscar Portugal

Facebook