Sabia que ...

Sabia que ...

Mirage M8 DFV - 1975


O regulamento das 24 Noras de Le Mans de 1975 impunha uma grande quebra no consumo de combustível. Em vez das 15 ou 16 voltas que os Matra 670C e Mirage GR7 conseguiam cumprir sem parar em 1974, no ano seguinte teriam que cumprir 20 voltas. Isso pressupôs uma nova abordagem da corrida e Len Bailey, o projectista da equipa de John Wyer concebeu um novo modelo com uma carroçaria de baixo arrasto, especialmente pensada para Le Mans. No novo carro, o coeficiente de penetração aerodinâmica passou do 0.53 do GR7 para um expressivo 0.35. Por seu turno, o V8 Cosworth viu as rotações máximas reduzidas de 10.400 rpm para 8400 rpm baixando a potência disponível para menos de 400 cv.
Com Jacky Ickx associado pela primeira vez a Derek Bell, o novo M8 foi suficiente para bater uma concorrência pouco numerosa, onde se destacavam dois Ligier JS2/DFV com a mesma potência e um velho Porsche 908/3 com 360 cv.


Ricardo Grilo

Sportscar Portugal

Facebook