Sabia que ...

Sabia que ...

O radiador da polémica


Na edição de 1982, a participação do Mirage M12 confiado a Mário e Michael Andretti esteve envolta em polémica.
Construído pela Tiga de acordo com as regras do grupo C e equipado com um V8 Ford Cosworth DFL de 3,9 litros e 540cv cv e efeito de solo. Projectado por John Horsman - antigo braço direito de John Wyer - o Mirage era um carro moderno que poderia ter brilhado nas 24 Horas de Le Mans de 1982. Pelo menos era essa a intenção do proprietário e mentor do projecto, Harley Cluxton, da GTC.
Quando o carro estava na grelha de partida, pelas 15h30, a pouco mais de meia hora da partida, um comissário técnico entendeu que os radiadores do Mirage encontravam-se em posição irregular, estes estavam numa posição suspensa atrás da caixa de velocidades o que seria proibido pelo regulamento. O comissário em questão, ameaçou retirar a licença desportiva de Mário Andretti caso ele não abandonasse de imediato a grelha de partida, isto perante a indignação de Mário que foi confrontado com esta situação algo caricata.
Os responsáveis pela equipa argumentaram que nada teria sido alterado no carro desde as verificações técnicas.
Segundo um comunicado publicado pela GTC (a equipa «Grand Touring Cars» proprietária do Mirage) esclarecia os acontecimentos e que segundo o «regulamento do A.C.O. previa que a equipa tinha direito a pôr o carro legal após a partida, mas tal foi recusado, sendo o carro empurrado para fora da pista. Desta forma, o Mirage foi definitivamente excluído da corrida, quando a 51 minutos depois da largada a modificação imposta pelos comissários tinha sido já feita», No entanto foram publicadas na época fotos do carro após as verificações técnicas com os radiadores na posição “irregular”.
Para ocupar o lugar vago pelo Mirage foi chamado a participar o Porsche 924 GTR de Richard Lloyd e Andy Rouse que também não conseguiu resistir até ao fim, isto porque foi também ele desclassificado ao fim de 77 voltas!!!
Um desperdício que praticamente matou o projecto à nascença. O M12 apenas correu mais três vezes, em 1983: no GP de Miami, nas 6 Horas de Riverside e em Laguna Seca.



Facebook