Lista de acidentes fatais

Lista de acidentes fatais nas 24 Horas de Le Mans


Esta é uma lista de acidentes fatais das 24 Horas de Le Mans, que consiste de todos os pilotos que tenham falecido durante a semana das 24 Horas de Le Mans, em testes da corrida ou treinos de preparação do evento. Não incluo aqui os comissários de pista bem como os espectadores, a excepção é apenas o desastre de 1955 que custou a vida a mais de 80 pessoas. Ao todo, um total de 22 pilotos já morreram e em torno do Circuito de La Sarthe, com mais de metade tendo ocorrido ao longo da recta de Hunaudières. Quinze durante a corrida em si, cinco nas sessões de treinos e testes antes da corrida, e uma a caminho para a corrida.

André Guilbert foi o primeiro piloto a morrer em junho de 1925 durante o terceiro ano da corrida, embora este fosse devido a uma colisão com uma camionete quando seguia para a corrida, mas é classificada pelos historiadores da corrida e autores dos anuários oficiais, Christian Moity e Jean-Marc Teissedre. Marius Mestivier foi a primeira fatalidade da corrida, ocorrendo apenas algumas horas após a morte de Guilbert.
Com esta lista quero prestar a minha homenagem a todos os que perderam a vida por esta corrida fantástica.

Victimas do acidente de 1955



Denise Audebert-Las Rochas
Jean-André Audebert-Las Rochas
Guy Bellicot
Georgette Benoist
Marcel Berges
François Besnard
Geneviève Bichot
François Boitard
Roger Bridoux
Marcel Brion
Roland Brunet
Claude Brunet
René Campion
Raymonde Cléricy
Gérard Cornuaille
Jacques Daugey
Gilbert Delabarre
Jean-Louis-Robert Delasalle
Jack Diamond
Robert Divaret
Gilbert Domer
Manuel Erausquin
Robert Emile
Jean-Claude Favetto
Geneviève Foglih
Michel Fourey
Jeanine Fournier
Jacques Fournier
Roland Fournier
Simone Fousset
Constant Gandon
M. Gauguin
Claude Gautier
Roger Gauvrit
Philippe Gauvrit
Fernand Gesbert
Max Girard
Albert Gombert
Josette Gouraud
Donatien Gouraud
Chantal Grellier
Louis Grimault
Denise Hivert
Régine Jarry
Blanche Jeanbart
M. Languille
Louis Lapouge
Louis Le Coze
André Lebaupin
Auguste Lebreton
M. Lepage
M. Léquipe
André Leroy
Robert Loxley
Simone Malfrey
Jacques Marin
Aristide Neraud
Gaston Neveu
Bernard Piermay
Daniel Pignot
Jean Poussin
Genevieve Quinton
Bernard Rabot
Jean Retif
Claude Reye
François Reye
Roger Riboulin
Emile Robert
Louis Rocher
Pierre Rouchy
Jacques Ruille
M. De Saint-Léger
Solange Travers
Henry Tual
Simone Van Den Eiden née Delavigne
Marie-Isidore Vaugon
Achille Weill
Joseph Weiss

AnoPilotoDataCarroSecçãoDuração
1925Marius Mestivier1925-06-20( 51) Amilcar CGS Grand SportHunaudiéresCorrida
Às 8 horas da noite, na 18ª volta da corrida, o Amilcar de Mestivier fez um pião. O carro saiu subitamente da estrada e mergulhou de frente na vala, matando-o instantaneamente. Os primeiros relatos apontavam para um furo ou bloqueio de travões como causa do acidente, mas muitas fontes afirmam que ele foi atingido por um pássaro, e perdeu a consciência devido aos ferimentos.

1925Andre Guilbert1925-06-23( 19) Ravel 12 CV SportAcidente rodoviário
Guilbert estava fazendo o percurso para o circuito durante a manhã da corrida no seu Ravel. O carro dele foi atingido frontalmente por uma camionete em alta velocidade no sentido contrário. Ambos os veículos tiveram que ser arrastados para limpar a estrada. O condutor da camionete sofreu apenas ferimentos leves, enquanto Guilbert morreu devido aos seus ferimentos poucas horas depois.

1937Rene Kippeurt1937-06-19( 20) Bugatti T 44Maison BlancheCorrida
Kippeurth, piloto amador, perdeu o controlo do seu Bugatti na curva Maison Blanche numa das primeiras voltas da corrida, batendo num banco de terra e sendo cuspido do carro. Os pilotos que lhe seguiam desviaram-se ou despistaram-se para evitar o corpo de Kippeurth, mas Fairfield embateu directamente no Bugatti. Mais dois carros embateram no Frazer Nash de Fairfield. Kippeurth faleceu na pista, e Fairfield não resistiu aos ferimentos durante a operação no hospital.

1937Pat Fairfield1937-06-21( 28) Frazer-Nash Maison BlancheCorrida
Kippeurth, piloto amador, perdeu o controlo do seu Bugatti na curva Maison Blanche numa das primeiras voltas da corrida, batendo num banco de terra e sendo cuspido do carro. Os pilotos que lhe seguiam desviaram-se ou despistaram-se para evitar o corpo de Kippeurth, mas Fairfield embateu directamente no Bugatti. Mais dois carros embateram no Frazer Nash de Fairfield. Kippeurth faleceu na pista, e Fairfield não resistiu aos ferimentos durante a operação no hospital.

1949Pierre Marechal1949-06-27( 28) Aston Martin DB 2ArnageCorrida
Em Arnage, nas horas finais da corrida, o Aston Martin de Maréchal fez um pião ao tentar passar outro piloto. O carro capotou no incidente. Maréchal foi levado para o hospital, mas faleceu no dia seguinte.

1951Jacques Lariviere1951-06-23( 30) Ferrari 212 ExportTertre RougeCorrida
Ao sair da curva Tetre Rouge, Larivière perdeu o controlo do carro e voou sobre um banco de areia paralelo à recta de Mulsanne. O Ferrari aterrou num jardim e Lavière foi decapitado por um arame da cerca.

1953Tom Cole Jr.1953-06-14( 16) Ferrari 340 MM Spider VignalMaison BlancheCorrida
Cole morreu quando o seu Ferrari saiu da pista, e embateu num dos vários celeiros que ladeiam Maison Blanche. Cole foi cuspido do carro e morreu no local.

1955Pierre Levegh1955-06-11( 20) Mercedes-Benz 300 SLRPits StraightCorrida
Levegh e Mike Hawthorn estavam perto da entrada das boxes quando Hawthorne abrandou para entrar. Lance Macklin, que tinha acabado de perder uma volta para Hawthorne no seu Austin-Healey desviou-se para evitar Hawthorne, e Levegh embateu no seu carro por trás. O Mercedes de Levegh voou e embateu o banco de areia que ladeia a pista. Levegh foi cuspido do carro e faleceu, e peças do seu carro incendiaram-se e atingiram o público, matando mais de 80 espectadores.

1956Louis Hery1956-07-28( 51) Monopole X 86Maison BlancheCorrida
Apesar das modificações efectuadas no circuito de La Sarthe depois de 1955, Louis Héry faleceu sozinho apenas um ano depois. O seu Monopole virou-se em Maison Blanche, prendendo e matando o piloto.

1958Jean-Marie Brousselet1958-06-21( 11) Jaguar D-TypeCurva DunlopCorrida
Ao anoitecer, sob uma chuva torrencial, Brussin entrou na curva Dunlop demasiado depressa e capotou depois de embater num banco de terra. O carro, parado na pista, foi atingido pelo Ferrari de Bruce Kessler. Brussin faleceu nos destroços, e Kessler foi queimado.

1963Bino Heins1963-06-15( 48) Alpine M 63HunaudiéresCorrida
O Aston Martin DB4 de bruce McLaren partiu o motor, vertendo 20 litro de óleo na pista. Os dois carros que se seguiram, o AC Cobra Hardtop de Ninian Sanderson e o Ferrari 330 LMB Michael Salmon de passar incólumes. Mas quando o Jaguar parou num banco de areia, o René Bonnet Aérodjet LM6 de Jean-Pierre Manzon atingiu-o, e ficou parado no meio da pista enquanto o Alpine de Heins se aproximava. Este tentou evitar o choque em cadeia, mas ao desviar-se para fora da pista, perdeu o controlo atingindo um poste e o carro explodiu numa bola de fogo, matando o piloto instantaneamente. Manzon e Salvadori ficaram feridos no acidente.

1965Lucky Casner1965-04-10( 12) Maserati Tipo 151/4HunaudiéresTestes
Ao perder o equilibrio na lomba da recta de Mulsanne, o Maserati saiu para a relva, capotou duas vezes e aterrou na vala do lado direito. Casner foi cuspido na primeira cambalhota e foi transportado para o hospital local, onde morreu sem recuparar a consciência.

1966Walt Hansgen1966-04-03( 3) Ford GT 40 Mk IITestes
Durante testes preliminares de Sábado de manhã, com a pista molhada, dia 2 de Abril de 1966, perdeu o controlo e dirigiu-se para uma estrada escapatória. Não sabia que uma barreira tinha sido colocada na escapatória e bateu forte. Cinco dias depois do acidente, Hangsgen morreu no Hospital Militar Americano de Orléans, França, onde estava internado.

1967Robby Weber1967-04-09( 31) Matra MS 630MulsanneTestes
Perto do final da sessão preliminar de testes, Weber saiu para uma volta não programada. Ao entrar na recta, o seu Matra guinou na parte interior da pista e explodiu em chamas.

1969Lucien Bianchi1969-03-30( 19) Alfa Romeo T 33/3Tertre RougeTestes
Bianchi decidiu começar cedo, pois os organizadores especulavam uma sessão à chuva mais tarde nesse dia. Quando o seu Alfa Romeo passava a lomba de Mulsanne, devagar e com o pisca direito em funcionamento, sofreu uma falha mecânica, fazendo um zig-zag e atingindo o poste telegráfico à esquerda, matando Bianchi instantaneamente.

1969John Woolfe1969-06-14( 10) Porsche 917 Lang HeckMaison BlancheCorrida
Woolfe tinha adquirido um dos novos e potentes Porsches 917, e o próprio Herbert Linge da Porsche dava apoio ao Britânico. Ele foi morto na primeira volta da corrida nas rápidas curvas de Maison Blanche, quando foi cuspido do carro por não ter ainda apertado os cintos de segurança, devido ao tradicional procedimento de arranque em Le Mans. O procedimento foi abolido no ano seguinte.

1972Jo Bonnier1972-06-11( 8) Lola T 280IndianápolisCorrida
Na manhã de domingo, Bonnier aproximou-se da curva de Indianápolis antes de Arnage e tentou evitar o Ferrari 365 GTB4 #35 de Florian Vetsch que circulava lentamente. Os carros tocaram-se, Bonnier foi lançado sobre as barreiras e acabou por embater nas árvores. O Lola ficou completamente destruído, os restos do carro foram espalhados pela floresta, Bonnier faleceu no momento do impacto.

1976Andre Haller1976-06-12( 73) Datsun 260 ZMulsanneCorrida
Durante a primeira volta do «stint» de Haller (na sua segunda participação) pelas 21:00, o seu Datsun derrapou ao entrar na curva de Mulsanne. O carro deslizou e girou várias vezes antes de entrar na relva da pista, atingiu um rail e incendiou-se. Haller foi resgatado, mas morreu mais tarde num hospital devido aos ferimentos no peito.

1981Jean-Louis Lafosse1981-06-13( 25) Rondeau M 379 CMulsanneCorrida
Perto do final do seu turno de condução e de meia hora após a bandeira verde ter sido apresentada, o Rondeau de Lafosse, que estava no sétimo lugar às 5:03 pm, ia-se aproximando do Lola T600 de Guy Edwards, Emilio de Villota e Juan Fernández. De repente, pouco antes da área de restaurantes da recta principal, tendo Lafosse mudado para a quinta velocidade, o carro virou para a direita, batendo num rail antes de um posto de comissários, Lafosse morreu instantaneamente e ferindo dois comissários de pista no posto. O carro catapultou-se para o outro lado da pista e depois parou no lado esquerdo da pista com Lafosse exposto do lado de fora do carro.
Antes do acidente que vitimou Lafosse, o carro foi envolvido num incidente anterior, com dano parcial da dianteira, como mostra a evidência fotográfica. Houve alegações de que quando Lafosse tentou compensar o tempo perdido, que a suspensão ou a rebentamento de um pneu provocou o desvio repentino do carro para a barreira.

1986Jo Gartner1986-06-01( 10) Porsche 962 CHunaudiéresCorrida
Às 2h30 da madrugada no Domingo, o Porsche de Gartner teve uma falha mecânica, e guinou para a esquerda, embatendo na barreira de frente a cerca de 250 km/h. O carro escalou a barreira e cortou um pilar, até ser arremessado de volta para a pista e capotando quando atingiu o rail do lado direito. O carro parou nas barreiras a arder. Gartner teve morte instantânea, resultante de ferimentos no pescoço.

1997Sebastien Enjoiras1997-05-03( 2) WR LM 97ArnagePré-Qualificações
Às 12:40 pm, a parte da traseira da carroçaria do WM de Enjolras soltou-se em Arnage, fazendo com que o carro fosse projectado para além das barreiras de segurança. O carro capotou e explodiu em chamas após o impacto, Enjolras teve morte instantânea. O acidente fez com que Welter Racing retirasse as suas entradas e foram proibidas as carroçarias compostas de uma só peça.

2013Allan Simonsen2013-06-22( 95) Aston Martin Vantage V8Tertre RougeCorrida
Tinha acabado de se iniciar a 3ª volta quando em Tertre-Rouge, Allan Simonsen perde o controlo do seu Aston Martin Vantage V8 e embate vilentamente no rail. Tinha decorrido únicamente 8m20s de corrida... O piloto foi declarado morto no hospital.

Facebook